Dicas de Roma – Itália

Vi uma cidade lotada, movimentada e muito quente porque estive em meados de junho. Apesar do calor de 28 graus desfrutei bem do que Roma tem a oferecer. Uma das cidades que menos esperava e que mais me surpreendeu! Gostei mais do que de Paris!

GLA01811

Na imigração é preciso apresentar: passaporte com validade de seis meses, dinheiro suficiente para os dias de permanência, documento que comprove a reserva do hotel ou outros, passagem de volta para o Brasil e passagens caso a viagem tenha outros destinos, seguro viagem e médico.

O custo de tudo na cidade é muito alto, então se prepare caso queira desfrutar de tudo que Roma oferece. Quantos dias ficar? Vai depender do que você gosta ou tem como prioridade. Diria três dias inteiros se você quer ter boas lembranças e conhecer o básico bem conhecido. Mais que três dias você consegue conhecer com mais calma e muito mais coisas. No meu caso gostaria de conhecer o suficiente, até porque eu tinha outras prioridades.

O transporte na cidade funciona muito bem! Hospedei-me a 400 m do Coliseu o que facilitou a locomoção para qualquer ponto da cidade. Porque em frente ao monumento mais visitado de Roma tem uma estação de Metrô chamada Colosseo.

Os principais pontos turísticos possui uma estação de metro próxima. Dentre as variadas linhas de metrô você consegue fazer uma baldeação na estação chamada Termini (a mesma que saem os trens regionais). Esta estação é muito grande, uma parte dela é destinada para chegadas e partidas de trens regionais que te levam a qualquer lugar do país. Outra parte é para a estação de metrô, que fica no subsolo. Próxima à entrada onde possui várias escadas rolantes é comum você encontrar máquinas que geralmente só aceitam moedas, por isso será necessário comprar os tickets em “vendinhas” tipo banca de revista caso você tenha apenas notas. Você tem várias opções de bilhetes, mas as que considero mais interessantes são:

– One Way que você pode fazer quantas viagens quiser no prazo de 1 hora e 30 minutos,

– 24 horas ou de 48 horas que você pode usar ilimitado as linhas de metrô.

Em outras estações é mais fácil achar onde comprar o ticket, até porque sempre tem um guichê para venda! Eu calculei mais ou menos quantas vezes iria precisar e comprei tudo de uma vez!

Para chegar à cidade vinda do aeroporto de Cipiano existem vários meios são eles:

– TREM: Em média 14 euros por pessoa, você consegue comprar nas máquinas ou guichê ao lado da saída/entrada do aeroporto. Circulam de 06h30minmin às 23h30min min e parte da estação ao lado do aeroporto de 30 em 30 minutos. Escolhemos essa opção e funcionou muito bem, com conforto e agilidade, pagamos 14 euros por pessoa, compramos o ticket direto no aeroporto nas maquinas e o tempo percorrido até a estação Termini é de 32 minutos.

-ÔNIBUS: O ônibus Terravision custa seis euros por pessoa e gasta o dobro do tempo para chegar à estação Termini. O ônibus da empresa SIT tem seu destino final à estação Termini, mas possui uma única parada que é próximo ao Vaticano. Ambos possuem a opção de comprar ida e volta pelo site da própria empresa.

– TAXI: Na porta do aeroporto é fácil de localizar e tem um custo médio de 30 euros por corrida, o preço é tabelado.

É muito fácil de se locomover de metrô ou de trem em Roma. É possível visitar todos os pontos mais importantes da cidade utilizando o metrô. Caso tenha dúvida quando estiver na cidade se oriente pela estação Termini, na maioria das vezes você precisará fazer baldeação nela.

01 (605) - Cópia

Aqui estão todos os pontos da cidade por ordem de proximidade, lembrando que entre parênteses está a estação de metrô que você precisará descer.

O que conhecer em Roma em Três dias:

Coliseu: (Estação de metrô Colosseo)

01 (613)GLA01379

Que monumento gigante! Senti-me dentro de um livro de histórias! Só conseguia pensar no filme Gladiador. Hahaha! Achei muito bem organizado, muito bem preservado. Eu comprei o voucher pela internet. Existem várias maneiras de entrar; para quem ainda não comprou o bilhete e não possui um voucher ou não está com guia é melhor se preparar, a fila é gigante! A outra fila que é para o voucher que eles chamam de bilhete reservado é mínima! Para ter uma ideia fui durante semana na parte da manhã e não peguei nenhuma fila. Este voucher precisa está impresso, no meu caso não tinha comprado este voucher antes da viagem o que me impossibilitou de imprimi-lo. No próprio guichê a atendente me pediu para que enviasse por e-mail na hora para que eles mesmos fizessem por mim! Minha dica é: imprima o voucher para não ter erro.  O Coliseu possui um áudio guia em várias línguas, mas o aluguel do aparelho é feito apenas em cartão de crédito ou débito. O custo de cada aparelho é de 5,50 euros.

-Fórum Romano

GLA01563

O Fórum Romano fica ao lado do Coliseu, é fantástico! Geralmente a venda do ticket do coliseu é feita com ele. Prepare-se para entrar porque as filas são muito grandes.

Piazza Papolo: (Estação de trem Fiaminino)

GLA01642

Possui uma vista linda. Praça muito grande fica próxima a Piazza Spanha e Via del  Corso.

Piazza Spanha: (Estação de metrô  Spanha)

01 (603)

Esta praça é onde está à igreja Trinitá Dei Monti que possui uma escadaria de 137 degraus inaugurada pelo Papa Bento XIII em 1725 D.C.. Até o século XVII era conhecida como Piazza di Francia. A praça está sempre cheia e possui muitos locais para comer e pertinho está uma das Principais ruas de Roma, Via del Corso que possui 10 metros de largura e 1,5 Km de comprimento. Possui Lojas como: Kiko Milano, Zara, Diesel, HM, Puma, Mac dentre outras. Tambem pertinho está o Caffè  Greco 1748 que é o café mais antigo de Roma.

01 (607)

Panteão: (Estação de metrô  Spanha)

01 (625)

É um edifício construído durante o reinado do Imperador Augusto e reconstruído por Adriano por volta do ano 126 D.C..  Localizado próxima a Piazza Navona é um dos monumentos mais lindos que já vi. A Simetria perfeita e conservação impecável o tornam parada obrigatória! A entrada é franca. Próximo é cheio de restaurantes, sorveterias e supermercado.

Piazza Navona: (Estação de metrô  Spanha)

GLA0178201 (634)

Para mim a praça mais linda de Roma! Ela é grande, organizada, possui muitos restaurantes e bares. Foi construída pelo imperador Domiciano e ocupa o espaço do antigo Estádio de competições esportivas.  Nela está o Palazzo Pamphili, propriedade do Brasil e sede da embaixada Brasileira, Consulado Geral do Brasil e da Missão do Brasil – ONU. As cores ocres (desbotado) da maioria dos locais da cidade faz com que a praça seja muito charmosa. As suas três fontes lindíssimas são incríveis, dando frescor a tamanho calor. Fica bem próxima ao Panteão quando a pé é possível sentir “perdida” em meio a lindas ruelas.

Fontana de Trevi: (Estação de metro Barberini)

GLA01235

A 8 minutos a pé da Praça Spagna é uma das maiores fontes construídas no período barroco na Itália. Foi restaurada recentemente e fica sempre cheia de turistas.

Trastevere: Bairro super descolado onde a juventude frequenta, cheia de restaurantes é um ótimo local para ir à noite e aproveitar os restaurantes.

Vaticano: (Estação de metrô Cavalleggeri/S. Pietro)

Caso queira conhecer o Vaticano que é um país dentro da cidade de Roma é necessário pelo menos um dia inteiro. O espaço a ser percorrido precisa de tempo e calma, sugiro fazer um roteiro de quatro dias inteiros ao invés de três. Para entrar no museu é necessário comprar o bilhete no site oficial. https://biglietteriamusei.vatican.va/musei/tickets/index.html

Onde se hospedar em Roma:

– Mercure Colosseo: 400 metros do Coliseu (Estação de metrô Colosseo). Por Custo X beneficio escolhi o hotel Mercure Colosseo – Roma. Ele possui uma vista incrível não só da janela do hotel, mas como da piscina que possui um bar. O por do sol é impecável!

01 (608)

– NH Collection Roma Palazzo Cinquecento (Estação de metrô Termini)

– Pallazo Manfredi – Relais e Chateaux (Estação de metrô Colosseo)

Onde comer em Roma:

A cidade possui várias “bicas” fontes de água potável, que sai geladinha e com gosto muito melhor do que a engarrafada. Vale a pena encher a garrafinha enquanto percorre os pontos turísticos.  A comida italiana é maravilhosa! Por isso é bom se preparar para comer muita, mas muita farinha em forma de todos os tipos de pães, bolos, biscoitos, pizzas e muito macarrão…

01 (629)

Dicas de locais que provei e aprovei:

– Pane & Salame é fantástico! Que lugar incrível! Ideal para comer frios, queijos e pães deliciosos com uma bela taça de vinho! O local é pequeno e muita das vezes da fila mas compensa demais, fica pertinho da Fontana de Trevi.

01 (612)

– Taverna Trilussa é um restaurante de massas que fica em Trastevere. Coma massa Amatriciana  e lembre-se é necessário fazer reserva.

01 (636)

– Bacanno Massas é um restaurante de comida italiana e fica próxima a Fontana de Trevi. Funciona na hora do almoço e jantar. Não é necessário fazer reservas.

– Dela Palma – Gelato Di Roma: Sorvete maravilhoso! Próximo ao Panteão.

– Barcaccia é uma sorveteria ao lado da Sephora na piazza Spanha. Deliciosos sorvetes.

01 (606)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s