Dicas de Veneza – Itália

Para chegar a Veneza não é difícil! Do Brasil você tem voos saindo de diversas cidades e se estiver na Europa você pode optar por voar de variadas Cias. Aéreas. Agora e se você já estiver em qualquer parte da Itália o trem regional (três opções de Cia de trem) pode te levar até a romântica Veneza!

Na imigração é preciso apresentar: passaporte com validade de seis meses, dinheiro suficiente para os dias de permanência, documento que comprove a reserva do hotel ou outros, passagem de volta para o Brasil e passagens caso a viagem tenha outros destinos, seguro viagem e médico.

Para se deslocar de aeroporto Marco Polo até Veneza Santa Lucia – A Veneza turística existe a opção de ônibus que custa oito euros por pessoa. Que pode ser comprado próximo à estação de trem em Veneza Santa Lúcia ou no aeroporto. Mas existe a opção por barco que é bem mais cara! Veneza é uma cidade fácil de locomover, mas o ideal é levar pouca bagagem! Quando digo pouca bagagem não estou exagerando porque a cidade é cheia de pontes e escadas o que é muito desgastante. Caso você não tenha a opção de levar pouca bagagem devido ao roteiro de sua viagem faça como eu, me hospedei próximo à estação Santa Lucia no hotel Olímpia que facilitou bastante a vida! Quando precisei ir até o miolinho onde tudo acontece ia de “ônibus” barco (procurar nome). Isso facilitou muito na chegada e partida!

A hospedagem na cidade é outro dilema! Existem duas Venezas! Veneza Mestre que é a parte 100% em terra firme, onde está o aeroporto! E a outra é Veneza Santa Lúcia que é onde tudo acontece! Ficar em Veneza Mestre é bem mais barato, mas é bem mais longe! Porque você precisa pegar um ônibus até Veneza Santa Lucia e mais um barco ônibus ate o miolinho, o que tornaria cansativo! Em Veneza Santa Lúcia os hotéis muitas vezes são caros e nem sempre são conservados ou novos! Dei uma sorte tremenda ao descobri pelo tripadvisor o hotel Best Western Olímpia que é lindo, limpo e com Staff atencioso! Quanto à arquitetura dos hotéis você vai achar raríssimos locais modernos, porque a maioria dos hotéis é de decoração veneziana.

GLA03381

Se deslocar na cidade não tem erro! Muito bem sinalizada é fácil sair andando sem rumo, mas também é fácil de localizar! Pode ser que seja uma impressão somente minha, mas achei Veneza linda, mas muito mal cuidada! É triste ver as principais atrações sujas e com uma aparência bem deteriorada! Acredito que seja impossível deixar tudo 100% mas precisam de uma “restauração”. Tirando essa impressão exclusivamente minha! Veneza é cheia de flores e com ar apaixonante. Talvez seja pela aparência descascada, com cantores cantando um italiano perfeito e muita gôndola nos canais.

01 (645)

A cidade não é barata! Mesmo as opções mais baratas são caras. Mas acredito muito que: quem está na chuva é para se molhar! Portanto não existe nada melhor em Veneza que sentar num restaurante e comer uma bela pasta italiana observando os canais!

O que conhecer em Veneza:

–  Praça São MarcosGLA0297301 (651)

Praça principal de Veneza é cercada por construções que são chamadas de Procuratie, que foram construídas para servir o procurador e hoje abriga restaurante e lojas. A praça abriga também o Palazzo Ducale e a torre do Relógio um prédio do século XV e uma Basílica Maravilhosa! Na praça é possível conhecer o Café Florian uma cafeteria de 1720 que é considerada a mais antiga cafeteria em operação continua.

– Palácio Ducale

Do Século 14 e 15 foi à casa de Doge de Veneza. Com estilo gótico arranca suspiros pode conhecer seu interior e o ingresso deve ser comprado online.

– Campanário di San Marco

É uma construção que possui 100 metros de altura, pode ser visita e tem o custo de 8 euros

– Basílica Catedral de São Marcos – Basílica de San Marco

GLA02996

A entrada da Basílica é grátis, apenas o terraço da igreja que é belíssimo com vista para cidade que é necessário pagar.

– Ponte dos suspiros

GLA03132

Fica ao lado da Praça, possui várias lendas. Lindíssima!

– Basílica di Santa Maria della Salute

01 (646)

Igreja Católica que fica no Grande canal. Construída e dedicada a Virgem Maria em voto que extinguisse a peste negra do território italiano.

Grande Canal – Ponte Rialto

IMG_6642IMG_6643

– Passeio de gôndolas:

IMG_6665

Quando pensava em Veneza me imaginava andando de gôndolas pelos canais, mas no segundo dia que estava lá percebi que já estava satisfeita por andar de Vaporeto nos canais! O valor médio é de 80 a 120 euros, acho que este passeio deve ser levando em consideração pelo tamanho do seu sonho ou vontade de fazer parte disso! Honestamente não achei que as pessoas estavam tão felizes assim, vi muitas pessoas posando para fotos! Achei muito clichê, como se fosse mais para comtemplar a fotografia do que para viver a experiência! Resumindo eu não fui! E não me arrependo!

O que comer em Veneza:

A alimentação em Veneza é comida tipicamente italiana! Você verá basicamente isso. Em Veneza troquei os maravilhosos sorvetes italianos por Doces Tiramissu maravilhosos, guarde este nome: I Tre Mercatti. Lugar pouco mais escondido que fica a 7 minutos da Piazza San Marco vende café, chocolates, vinhos e espumantes. E um melhor tiramissu que já comi na vida!

– Da Rafaelle (Praça San Marco ) 5 minutos da Piazza San Marco

01 (647)

– Tiramissu /doces – I Tre Mercanti

GLA03186

– Farine – Pizzaria – pedaços

01 (640)

Onde se hospedar em Veneza:

– Hotel Best Western Olímpia – Fiquei hospedada neste hotel, que é maravilhoso, tem ótima localização, café da manhã excelente por um preço ótimo! Valeu cada centavo pago.

– Aqua Palace Hotel

– Ca´Pisani Hotel

01 (649)01 (650)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s