Dicas de Amsterdam – Holanda

0-58

Quando eu tinha 10 anos de idade ganhei um livro chamado “Brasil Holandês” e desde então descobri que a flor que mais gosto é a tulipa! Apesar de tudo que eu ouvia falar sobre “os países baixos” sempre colocava fé que o país iria me agradar!

0-53img_9232

Pode se chegar a Amsterdã pelas ótimas estradas, de trem por vários países ou de avião. O Aeroporto Internacional de Schiphol fica a 20 km da Estação Central. A língua oficial do país é o Holandês e a moeda é o euro.

img_9273

Visitei Amsterdam no verão e posso garantir que senti mais calor do que no Rio de Janeiro. A cidade possui 848 mil habitantes e a maioria circula pela cidade a pé ou de bicicleta. É comum ver mulheres muito bem vestidas, homens de terno e gravata indo trabalhar sobre duas rodas. Devem ter mais bicicletas do que pessoas, não que isso seja um ponto negativo, mas é de se impressionar! Existe um trem de superfície que é ideal para longas distâncias ou dias chuvosos. O ticket para utilizar o trem fica nas próprias estações.

0-52

O nome da cidade tem referência da represa do rio “Amstel”, que ficava ao entorno da cidade. A construção dos canais começou em 1613 e hoje possui mais de 100 km, sendo quase todos navegáveis. Na cidade existe um tour de barco que possibilita conhecer a cidade pelos canais, durante o passeio que tem áudio em português podemos ver as casas que são casas barcos, o passeio dura 1 hora. O ticket para essa atração pode ser comprado em frente à estação central da cidade.

0-600-640-51

Casa-  barco

img_9242

A arquitetura é um ponto forte! Com 1.500 pontes, casarões com grandes janelas incríveis! Várias casas literalmente tortas (devido ao solo maleável e bases de sustentação de madeira), flores em toda parte (menos tulipas que só florescem entre os meses de março a maio na primavera, nesta época visite o parque de Keukenhof  ). Faz de Amsterdam um local lindo para apreciar.

0-32

Não deixe de comer  queijo, stroopwafel (tipo um Waffle fino que pode ser de mel ou caramelo), batatas fritas (existe uma disputa com as batatinhas da Bélgica), torta de maçã, croquete e cerveja.

Ouvimos muito a respeito da maconha e da liberdade sexual na Holanda, no centro da cidade vi dentro dos Coffee Shops (local apropriado para o uso da maconha) e quanto à prostituição, no bairro Red light District, mulheres ficam expostas em “vitrines”. A prostituição é legalizada e liberada. Em parques, nas ruas ou em outros locais é tudo como aqui mesmo no Brasil.

0-500-65

Pontos turísticos de Amsterdam por ordem de proximidade:

– Amsterdam Centraal: Construída entre 1881 e 1889 é a estação central mais importante da cidade. É nesta estação que chega trens da Bélgica, a França e a Alemanha.

0-45

– Praça do Royal Palace: Palácio onde reside Monarquia Holandesa. É possível visitar o palácio quando o rei não estiver.

img_9280

– Casa da Anne Frank: Antiga casa onde Anne Frank e sua família se refugiaram nos tempos da guerra.

– Rijksmuseum: É o museu nacional da Holanda. Está para os holandeses como o Louvre está para os franceses. Para entrada pode se comprar no próprio local ou pelo site. Em frente ao museu fica o letreiro : “I amsterdam”.

img_9395

– Heineken Experience: A cerveja mais famosa no mundo.  A cerveja holandesa mais famosa mundo.  Você pode conhecer a antiga fábrica, que hoje abriga um museu interativo, e aprender sobre a bebida. O ingresso na porta ou pela internet!

– Van Gogh Museu: Possui uma grande exposição do artista Van Gogh. Com ambiente calmo e bonito possui uma cafeteria. O ticket pode ser comprado na porta ou online.

0-31

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s